Brasil deixa a desejar quando o assunto é inovação, diz pesquisa da CNI

somos-inovadores-inovação-we-are-innovative-innovation-industria-cni-fiesp-firjan-fiergs-criatividade-brasil-brazil-sao-paulo-porto-alegre-bravence-aldo-della-rosa-82

O superintendente do Instituto Euvaldo Lodi responsável pelo levantamento destacou que é imprescindível modificar esta cultura.

62% dos empresários classificam o grau de inovação no Brasil como muito baixo, segundo pesquisa da CNI (Confederação Nacional da Indústria). O estudo mostra que seis a cada dez líderes empresariais consideram que o país deixa a desejar quando o assunto é inovação.

Em entrevista ao repórter Daniel Lian, o superintendente do Instituto Euvaldo Lodi responsável pelo levantamento destacou que é imprescindível modificar esta cultura.

Paulo Mól elencou alternativas para otimizar este cenário. “O primeiro ponto é uma agenda para o próprio empresário. A ideia de que é preciso fortalecer as culturas de inovação. Os empresários precisam estar mais preparados para trazer a inovação para o centro da estratégia da empresa. E tem outros pontos que precisam do apoio das universidades, ter a universidade mais próxima das demandas empresariais e no auxílio à formação de melhores engenheiros“, explicou.

Inovação é uma agenda de país, não de um nicho específico da população. Quem inova são as empresas, porque inovação acontece quando um conhecimento novo gera valor de mercado. Para que isso aconteça é preciso de um apoio muito forte das universidades, que formam os pesquisadores, e um apoio muito forte do Governo, porque em qualquer lugar do mundo inovação é o tema prioritário que é estimulado, porque apenas os países que inovam conseguem se estruturar e se colocar bem no século XXI, que é o século do conhecimento“, finalizou.

Apesar da crise, 57% dos empresários disseram que pretendem aumentar bastante os recursos para inovação nos próximos cinco anos. Apenas 3% dos líderes empresariais apontaram o grau de inovação brasileiro como alto.

Fonte: http://jovempan.uol.com.br/noticias/brasil/brasil-deixa-desejar-quando-o-assunto-e-inovacao-diz-pesquisa-da-cni.html

 

Você também poderá gostar...