Cerimônia de entrega do Prêmio Mineiro de Inovação acontece na FIEMG

Cerca de 80 projetos concorrem em diversas categorias, que, nesta edição, abordou o tema “Inovação na Educação”

somos-inovadores-inovação-we-are-innovative-innovation-industria-cni-fiesp-firjan-fiergs-criatividade-brasil-brazil-sao-paulo-porto-alegre-bravence-aldo-della-rosa-138

Doze projetos são finalistas do Prêmio Mineiro de Inovação, promovido pela Câmara Ítalo-Brasileira de Comércio – MG, em parceria com o Governo do Estado de Minas Gerais e FIEMG. No total, foram 79 projetos que concorreram nas categorias: Produto, Processo, Intangível e Menção Honrosa, que, nesta edição, abordou o tema “Inovação na Educação”. A seleção foi feita durante reunião da banca examinadora, e os vencedores serão anunciados durante cerimônia de premiação no dia 19/05, na sede da FIEMG, às 19h, que contará com a presença do Governador Fernando Pimentel.

O Prêmio Mineiro de Inovação tem por objetivo reconhecer e gratificar àquelas ideias inovadoras que contribuíram para o avanço do conhecimento no Estado. O presidente da Fapemig e presidente da Comissão Julgadora do Prêmio, Evaldo Vilela, diz acerca do impacto positivo para o País, sobretudo para Minas Gerais: “O Prêmio Mineiro vem para motivar e incentivar a sociedade mineira a promover a inovação, com a geração de novos produtos, novos processos ou novos serviços, capazes de fortalecer a economia em nosso Estado e preservar a cultura em prol de melhores condições de vida da nossa gente”.

A iniciativa conta com o apoio da Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de Minas Gerais (Fapemig), do Sistema Mineiro de Inovação (Simi), do Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (SEBRAE), do Grupo Dirigente Fiat, da União Brasileira para a Qualidade (UBQ), da SAE – Brasil e da Associação Mineira de Municípios (AMM).

A premiação

Os primeiros colocados de todas as categorias que compõem o Prêmio Mineiro de Inovação serão contemplados, individualmente, com o valor de R$ 20 mil; já os vencedores dos segundos e terceiros lugares ganharão troféu e certificado.

Conheça os finalistas do Prêmio Mineiro de Inovação:

CATEGORIA – PRODUTO

Adesivo inteligente para o monitoramento de radiação azul – aplicação em fototerapia neonatal. Proponente: Rodrigo Fernando Bianchi

Descrição: Dispositivo inteligente, em forma de selo autocolante, que auxilia no monitoramento da dose de radiação incidente em neonatos ictéricos em tratamento fototerápico. A cor do dispositivo é alterada gradativamente de vermelho ao verde, à medida que os neonatos ictéricos são expostos ao banho de luz azul. Seu uso contribui para evitar falhas operacionais dos profissionais de saúde e na redução das taxas de mortalidade infantil.

Ciranda: “Cadeirinha para chão”. Proponente: The Products Comercial Ltda

Descrição: Possibilita a crianças de 1 a 6 anos com deficiência física se assentarem no chão sozinhas. Soluciona o problema de assentar com segurança, postura e ludicidade, mantendo os braços e mãos livres, para desenvolverem as brincadeiras típicas da primeira infância e socializarem-se. Pode ser utilizado em áreas molhadas, o que representa que a criança poderá brincar na beira da piscina e no mar.

Modem PLC Brasileiro para Aplicações de Telecomunicações e Smart Grid. Proponente: Universidade Federal de Juiz de Fora

Descrição:Sistema de comunicação de dados de última milha, sendo o primeiro sistema Power Line Communications (PLC) banda larga brasileiro para redes de distribuição de energia elétrica de baixa tensão (BT) com taxas de até 450 Mbps e único no hemisfério sul. As concessionárias de distribuição de energia elétrica terão à sua disposição uma tecnologia que utiliza a sua própria estrutura, a rede de baixa tensão, para comunicação de dados, o que auxilia na implantação das smart grids e possibilita venda de acesso à internet pela concessionária ou locação da rede para uma empresa terceira. Além disso, possibilita levar uma rede de comunicação a locais de difícil acesso, uma vez que a rede de energia elétrica brasileira está conectada ao Sistema Interligado Nacional (SIN). Viabiliza, ainda, a introdução de redes inteligentes, smart grids, as quais aumentarão a qualidade da energia distribuída ao equilibrar a carga na rede ao longo do dia, além de melhorar o aproveitamento da rede de energia elétrica atual.

CATEGORIA – PROCESSO

Sistema de Reaproveitamento de Água (SRA). Proponente: Deltamed Eletromedicina Ltda

Descrição: Equipamento para purificação de água utilizada, principalmente, em clínicas de hemodiálise. Além de promover uma economia mensal de água, tem-se também um incremento na qualidade da água fornecida aos pacientes de hemodiálise, devido ao sistema de purificação e de reaproveitamento.

Aumento da sustentabilidade e rentabilidade na produção de etanol pela produção integrada de álcool isoamílico. Proponente: Magno José de Oliveira

Descrição: Recuperação de etanol e manufatura de álcool isoamílico a partir do óleo fúsel, um subproduto gerado na produção de etanol. Aplicado em usinas de etanol e reprogramando-as de forma simples, um módulo é acoplado à usina convencional, gerando aumento da produção sem elevar a demanda de cana-de-açúcar e de energia na destilação de etanol. Com a crescente demanda do consumo de etanol e sendo Minas Gerais um dos principais produtores brasileiros, a aplicação desse processo contribuirá para o Estado atender a demanda nacional desse biocombustível.

Usina fotovoltaica. Proponente: Fundação Torino

Descrição: A ideia de utilizar a energia solar surgiu a partir do projeto Econscienza,desenvolvido há oito anos pela Fundação Torino, que faz referência aos conteúdos de educação ambiental e, sobretudo, ao estudo do meio ambiente como ação que promove mudanças de atitudes, bem como de comportamento em nível individual e coletivo. Sendo assim, houve um investimento na construção de uma usina fotovoltaica capaz de produzir 10% da energia total consumida pela escola, tornando-se o primeiro projeto privado desse tipo em operação no Estado. Com capacidade para abastecer cerca de cinco residências com até quatro moradores, a usina fotovoltaica produz, aproximadamente, 1.200 kwh/mês de energia elétrica e, nos dias em que a escola não está em funcionamento, a energia extra gerada é utilizada na rede de energia da Cemig e descontada, posteriormente, na fatura de consumo da escola. Apesar da redução no consumo da energia, o objetivo principal do investimento é evidenciar aos alunos os benefícios da utilização da energia solar e torná-la instrumento de estudo desses estudantes.

CATEGORIA – INTANGÍVEL

Monitoramento ambiental utilizando imagens reais das áreas cobertas por linhas de transmissão e reconhecimento de padrões. Proponente: Cemig Distribuição S.A.

Descrição: Tecnologia para detectar focos de fumaça e de fogo em áreas previamente monitoradas, por meio de técnicas de processamento em tempo real de imagens digitais disponibilizadas via web. Os internautas poderão auxiliar na identificação precisa dos focos de fumaça, assim como na determinação da evolução dos focos de fogo e será possível, por exemplo, acionar alarmes para as autoridades responsáveis, via web. O objetivo é reduzir os registros de incêndio nos grandes centros urbanos e, ainda, inserir a participação da sociedade por meio da internet nesse importante tema de sustentabilidade, bem como diminuir interrupções no fornecimento de energia elétrica e prevenir a destruição da flora e fauna brasileira.

Quartilho. Proponente: Quartilho Tecnologia Ltda-ME

Descrição:Software como serviço (saas) para negociação de grandes volumes de recebíveis. A solução permite que grandes empresas criem programas diretos (peer to peer) para financiamento de sua própria cadeia produtiva, e, com isso, impacte significativamente o resultado final da empresa, aumentando o retorno para o acionista. Tudo isso, sem risco adicional e de forma tão simples quanto fazer uma transação online. Além do software, é disposta também uma equipe especializada no aumento da adesão e treinamento dos fornecedores para a utilização da solução.

Selo de Qualidade – Gestão da Produção Artesanal. Proponente: Instituto de Capacitação e Apoio ao Empreendedor – ICCAPE

Descrição:O selo é uma certificação de qualidade para a produção artesanal, baseado nas normas da NBR IS0 9001 – Gestão da Qualidade e na NIQS-01 – Sistema de Gestão das Empresas do Setor Artesanal. Tem por objetivo atestar para o mercado, por meio do cumprimento de uma série de requisitos, que o artesão promove uma gestão focada na qualidade sustentável, considerando a situação socioeconômica, ambiental e da não profissionalização.

CATEGORIA – MENÇÃO HONROSA “INOVAÇÃO NA EDUCAÇÃO”

Programa de Inovação para o Ensino de Engenharia – ENG200. Proponente: Escola de Engenharia da Universidade Federal de Minas Gerais (EEUFMG)

Descrição: Programa focado na proposta de melhorias na formação do engenheiro e na preparação para que esse estudante tenha, de fato, condições de impactar o meio em que vive. Conta com o engajamento de estudantes, funcionários e professores da EEUFMG e consiste em uma série de projetos que são agrupados em duas grandes frentes: Estruturação – ações que objetivam melhorias estruturais e organizacionais da EEUFMG e Formação – ações relacionadas com a formação dos estudantes e nas melhorias curriculares, metodológicas e na qualidade do ensino. Almeja-se a diminuição da retenção de estudantes; desenvolver nos alunos um perfil empreendedor e criativo; proporcionar uma formação mais condizente com os desafios da sociedade atual; a inserção de novas tecnologias no ensino; e uma atuação mais efetiva dos engenheiros formados pela EEUFMG na sociedade.

Qranio. Proponente: Qranio.com Soluções de Internet AS

Descrição: Aplicativo que visa tornar o aprendizado divertido por meio de conteúdo educacional qualificado, somado a recursos de jogos. Além disso, o aplicativo fornece uma enorme gama de prêmios que são conquistados através dos Qi$ – moeda virtual – de acordo com o desempenho do usuário. É possível desafiar um amigo em séries de perguntas sobre diversos temas de conhecimento, gerando-se assim um ciclo virtuoso de aprendizagem. Em suma, o fluxo consiste em jogar, aprender, divertir-se, acumular pontos e trocá-los por prêmios reais.

Terminus-EDUC Inovação e Responsabilidade Social: Dicionários Terminológicos para o pensar científico e criativo do estudante surdo. Proponente: Centro Federal de Educação Tecnológica de Minas Gerais (CEFET – MG)

Descrição: Dicionários Terminológicos Bilíngues em Libras que proporciona às pessoas surdas acesso aos níveis acadêmicos superiores. O que se pretende alcançar é a constante e sistemática diminuição de barreiras linguísticas visando a integração da população de brasileiros com deficiência auditiva no ambiente acadêmico e sua consequente profissionalização nos níveis técnico e superior. Uma das principais questões que dificultam o ingresso e a permanência do estudante desse segmento em todos os níveis de ensino é a escassez ou a total falta de terminologia nas áreas de ciências, tecnologia, arte e cultura.

Fonte: http://www7.fiemg.com.br/noticias/detalhe/cerimonia-de-entrega-do-premio-mineiro-de-inovacao-acontece-na-fiemg

Você pode gostar...