Como as empresas vêm observando as redes sociais

Não há como fugir: hoje as empresas observam seus funcionários e potenciais contratados nas redes sociais, mesmo as que são usadas para objetivos pessoais. Ter uma imagem pessoal nas redes sociais ruim pode, sim, prejudicar as suas chances de contratação ou o seu sucesso dentro do ambiente corporativo.

A forma como sua imagem profissional pode ser afetada pelas redes sociais pessoais varia de acordo com sua área de atuação. Para um especialista em comunicação digital, por exemplo, pode ser interessante ter um perfil com diversas postagens ao longo do dia, enquanto para outras áreas isto pode ser visto de maneira negativa. É importante tentar sempre passar uma boa imagem de acordo com o tipo de trabalho que você exerce.

Evite algumas gafes comuns

A primeira gafe que chama mais a atenção em qualquer perfil pessoal é a de compartilhar reclamações sobre o trabalho. Mesmo que você o faça em “linguagem cifrada”, sem citar nomes, a pessoa que está sendo citada pode entender que o recado indireto é para ela. Ou ainda pior: um chefe ou parceiro profissional que não tem nada a ver com a história pode “vestir a carapuça”, o que prejudicaria um contato importante.

Evite também postar conteúdos muito polêmicos, que podem ser vistos como preconceituosos ou muito radicais. O mesmo vale para aquelas discussões de política que pegam fogo nas redes sociais. Você pode dar sua opinião sobre os assuntos do momento, apenas procure fazê-lo de maneira educada e cuidadosa.

Erros de português podem minar por completo sua credibilidade profissional, por isso sempre escreva seus posts com bastante cuidado e nunca se esqueça de revisá-los. Também evite fotos muito comprometedoras… sabe aquela foto que um amigo tirou de você completamente bêbado? Delete imediatamente! E, para evitar surpresas, ative a opção de só ser marcado com autorização!

Outra gafe que deve ser evitada a qualquer custo é a de postar conteúdo pessoal no horário de trabalho. Só use as redes sociais caso seu trabalho demande e deixe as questões pessoais para o horário de lazer.

Saiba separar os perfis profissional e pessoal

O cuidado deve ser redobrado nas redes sociais profissionais, como o LinkedIn. Nelas, o conteúdo deve ser estritamente relacionado ao seu trabalho e as questões pessoais não devem ser misturadas. Nunca poste textos motivacionais, piadas, fotos pessoais ou comentários sobre questões do dia a dia nesses ambientes.

Esse tipo de rede de relacionamento deve ser usada para networking e é seu cartão de visita profissional. Por isso, não demore para responder as mensagens enviadas e sempre fique de olho para saber se o seu curriculum está atualizado.

As redes sociais podem ser grandes aliadas

Como vimos acima, é preciso evitar alguns erros importantes nas redes sociais, já que a cada dia mais as empresas observam a imagem que passam seus profissionais e potenciais parceiros. Evite as gafes mais comuns e observe a separação de conteúdo nos seus perfis profissional e pessoal; cada uma deve ter uma função.

As redes sociais, se usadas adequadamente, podem ser grandes aliadas e render ótimos frutos profissionais. Você não precisa se tornar obsessivo e só postar conteúdo sóbrio! É claro que você tem uma vida pessoal e pode ter vontade de compartilhá-la com amigos, família e conhecidos — apenas tome o cuidado de não passar uma imagem de preconceito, desleixo ou pouco profissionalismo.

Você também poderá gostar...