Empresários dividem histórias de empreendedorismo

Após passar por cinco cidades catarinenses, a terceira temporada do “SC Que Dá Certo” terá seu ato final em São Miguel do Oeste, nesta segunda-feira (9). O evento será no Clube Comercial, a partir das 18h, e vai ter como painelistas o diretor da Torfresma, Claudimar Bortolin, o CEO da Sollos, Cláudio Frank, e o proprietário da Dipães, Volmir Antonio Meotti. A mediação será feita pelo apresentador do NSC Notícias, Fabian Londero.

O “SC Que Dá Certo” é uma iniciativa da NSC TV que promove iniciativas empreendedoras e ideias positivas para a economia catarinense. A série de painéis passou este ano por Palhoça, Brusque, São Bento do Sul, Araranguá, Joaçaba e vai encerrar sua jornada em São Miguel do Oeste, contemplando todas as regiões do Estado.

A abertura do evento vai contar com a apresentação de Claudimar Bortolin, que vai falar um pouco sobre as dificuldades enfrentadas em sua carreira até fundar a Torfresma, empresa que fabrica equipamentos industriais para todo país. Na sequência, Cláudio Frank contará alguns segredos que impulsionaram a Sollos a vender móveis com design agregado para praticamente todo o mundo.

A história de persistência de Volmir Antonio Meotti vai fechar as apresentações. O empresário vai compartilhar a experiência de abrir e fechar vários negócios antes de apostar na Dipães, que atualmente é uma das mais modernas indústrias de pães do Sul do Brasil. São três histórias que carregam lições para quem deseja abrir um negócio ou quem já tem sua empresa e quer dar um passo adiante no mercado.

“O que tenho acompanhado ao longo dos paineis da série é que todos sofreram com altos e baixos, colecionaram fracassos, mas persistiram, buscaram apoio, investiram na mudança para poderem crescer. São relatos que motivam muito quem está no início da jornada e enfrenta dificuldades”, comentou Fabian Londero.

O “SC Que Dá Certo” tem o oferecimento do Conselho Regional de Engenharia e Agronomia (Crea-SC), a Federação das Cooperativas Agropecuárias de Santa Catarina (Fecoagro), a Federação das Indústrias do Estado de Santa Catarina (Fiesc) e o Serviço Social do Comércio (Sesc).

Você pode gostar...