Especialista apresenta estratégias das mulheres bem-sucedidas

somos-inovadores-inovação-we-are-innovative-innovation-industria-cni-fiesp-firjan-fiergs-criatividade-brasil-brazil-sao-paulo-porto-alegre-bravence-aldo-della-rosa-15

Workshop foi realizado na tarde desta quarta-feira, na sede da FIERGS

A colunista do The Wall Street Journal e fundadora e diretora-executiva do Center for Women’s Business Research, Sharon Hadary, apresentou as estratégias das mulheres bem-sucedidas nos negócios, na tarde desta quarta-feira, em Workshop promovido pelo Sistema FIERGS, por meio do Instituto Euvaldo Lodi (IEL-RS),na sede da entidade. Sharon, autora de “Manual da CEO: As estratégias essenciais das mulheres bem-sucedidas”, falou dos oito passos para o sucesso: liderar como uma mulher, ter a posse do seu destino, ser a arquiteta de sua carreira, defender a si mesma sem pudores, traduzir as histórias que os números contam para impulsionar resultados estratégicos, criar equipes excepcionais, cultivar-se como seu principal ativo e transformar possibilidades em realidade.

Sharon apresentou uma pesquisa realizada no Brasil em que as mulheres são 51% da população e 44% da força de trabalho. “Recebem 60% dos diplomas de graduação, sendo que 30% são formadas em engenharia, manufatura e construção”, relatou. O trabalho mostrou que, em conselhos de empresas, 6,5% são mulheres e 8,9% dos líderes sêniors. “Outro número interessante foi de 28% das mulheres que trabalham em tempo integral ganham mais que seus maridos”, disse ela.

Conforme outra pesquisa realizada em 13 países sobre os pontos fortes das mulheres e dos homens, foi constatado que as pessoas acreditam que as mulheres comunicam, lideram, admitem erros, tiram o melhor de cada indivíduo da equipe e dizem mais a verdade que os homens. E que os homens são melhores para crises e situações difíceis”, relatou ela. Sharon disse ainda que a pesquisa apresenta um resultado positivo sobre mulheres na liderança, pois por meio de suas ações geraram mais lucratividade às empresas, melhor performance e melhor resolução de problemas, assim como envolvimento mais forte dos funcionários. “Confie na sua capacidade de liderar, invista em você e esteja sempre aberta a aprender”, aconselhou.

Além de Sharon, participam do workshop a empresária do ramo moveleiro e vice-presidente do Centro das Indústrias do Rio Grande do Sul (CIERGS), Maristela Cusin Longhi, a ex-presidente da Dudalina, Sônia Regina Hess de Souza, a vice-presidente da Gávea Angels, primeiro grupo de investimento-anjo do Brasil, Camila Farani , e do Personal e Professional Coach, Gabriel Carneiro Costa. Durante o painel com a presença de todos, houve questionamentos do público sobre diferentes aspectos da inserção das mulheres no mercado de trabalho. Um dos destaques foi a relação de desigualdade, que chega a 30%, entre os salários de homens e mulheres com a mesma função. “Essa é uma realidade em todo o Brasil e em todos os setores. O único jeito de mudá-la é aguardar uma troca de geração inteira, pois as mulheres mais jovens estão cada vez mais capacitadas, treinadas e firmes em serem reconhecidas por habilidades e resultados e não pode gênero”, observou Maristela Cusin Longhi.

Nesta quinta-feira, Sharon vai ministrar o curso Criando um Modelo Integrado de Liderança: Homens e Mulheres Juntos. A intenção é ensinar como combinar os pontos fortes e críticos de homens e mulheres, criando equipes de alto desempenho que gerem os melhores resultados.

Informações e inscrições: www.ielrs.org.br/estrategias_essenciais

Você pode gostar...