Fórum da Liberdade inicia pré-venda de ingressos

O Fórum da Liberdade, promovido pelo Instituto de Estudos Empresariais (IEE), inicia amanhã (24) a pré-venda de ingressos. Este primeiro lote do evento, que acontece nos dias 8 e 9 de abril no Centro de Eventos da PUCRS em Porto Alegre, vai até o domingo (27), possui valores especiais e a quantidade de ingressos é limitada. Para garantir presença, as inscrições da pré-venda estarão disponíveis no site www.forumdaliberdade.com.br. O tema desta edição do Fórum da Liberdade, reconhecido internacionalmente como um dos maiores eventos de debate e discussão de ideias da América Latina, será divulgado na próxima terça-feira (29).

O evento é realizado pelo IEE desde 1988 e reuniu em 2018, durante dois dias, mais de 6 mil pessoas e a transmissão ao vivo atingiu mais de 625 mil views. Ao longo das edições já realizadas, o Fórum reuniu mais de 300 palestrantes, sendo 103 deles estrangeiros, cinco ganhadores do Prêmio Nobel – Jame Buchanan, Gary Becker, James Heckman, Douglass North e Mario Vargas Llosa -, nove chefes de Estado, 53 lideranças políticas nacionais e internacionais e 16 ministros de Estado, além de lideranças empresariais, acadêmicos e estudiosos.

Dentre os nomes de destaque que já estiveram presentes no Fórum estão: Paulo Guedes, Sérgio Moro, Fernando Henrique Cardoso, Marcelo Rebelo de Souza, James Buchanan, Jorge Gerdau Johannpeter, Vicente Falconi, Hernando de Soto, Armando de La Torre, entre outros nomes da mesma magnitude.

Sobre o IEE

O Instituto de Estudos Empresariais foi fundado em Porto Alegre há mais de 30 anos por 20 integrantes. A entidade tem como intuito a formação de jovens lideranças empresariais que se comprometam com um modelo de organização social e política para o Brasil baseado no ideal democrático de liberdades individuais e orientado à defesa e manutenção dos valores da economia de mercado e da livre-iniciativa. Desde 1988 o IEE promove anualmente o Fórum da Liberdade – consagrado nacionalmente e considerado o maior evento liberal da América Latina.

Você pode gostar...