Perguntas e respostas sobre a Iniciativa Jovens Líderes das Américas

Saiba mais sobre este empolgante programa para ajudar jovens líderes do Continente Americano a construir um futuro mais brilhante.

O que é?

A Iniciativa Jovens Líderes das Américas (Ylai) é o principal programa de intercâmbio dos Estados Unidos no continente. Lançada em 2016, a Ylai fornece 250 bolsas de estudo anualmente para possibilitar que latino-americanos — da América Latina e do Caribe — desenvolvam iniciativas conjuntas empresariais e da sociedade civil. O trabalho é feito em universidades, incubadoras e organizações não governamentais dos EUA, enquanto intercâmbios de acompanhamento enviarão os americanos aos países de seus pares para dar continuidade à colaboração. Além de networking e mentoreamento incluídos na experiência, os bolsistas recebem a oportunidade de expandir sua liderança e habilidades empresariais com seus homólogos dos EUA.

 O que é a Rede Ylai?

A Rede Iniciativa Jovens Líderes das Américas, ou Rede Ylai, é uma comunidade de milhares de jovens empreendedores, agentes de mudanças e aspirantes a líderes da América Latina e do Caribe. Qualquer pessoa interessada em adquirir as ferramentas e as conexões para fomentar mudanças positivas no trabalho, na comunidade ou mesmo em um país pode se juntar à Rede Ylai*.

Muitos estão pensando em abrir a sua própria empresa ou organização e muitos já fizeram isso e estão prontos para crescer. Eles se conectam com especialistas da região e compartilham ideias para desenvolver seus negócios e ajudar suas sociedades. Os membros têm acesso a conteúdo digital, bate-papos interativos, eventos e dicas sobre liderança, empreendedorismo e outros temas.

Por que a Ylai foi lançada?

A América Latina e o Caribe têm hoje mais de 100 milhões de jovens (entre 15 e 24 anos). Em muitos países da região, 70% da população tem menos de 35 anos. No entanto, para essa enorme geração, o início da idade adulta vem acompanhado de acesso limitado a empregos, capital ou oportunidades de educação avançada, junto com uma atração persistente a alternativas ilícitas. Jovens ativistas, incluindo empreendedores sociais, podem desempenhar um papel importante para melhorar seus países, inclusive em parcerias com governos. No entanto, eles precisam de ferramentas e conexões adicionais uns com os outros e com seus mentores para impulsionar com eficácia a prosperidade e melhorar a governança e o Estado de Direito de suas sociedades.

Quais são as metas específicas da Ylai?

A Ylai visa desenvolver conhecimentos, habilidades e capacidades de networking de jovens líderes do Continente Americano. A iniciativa também busca ampliar os laços entre os empreendedores e os ativistas da sociedade civil mais promissores da América Latina e do Caribe com seus pares americanos. Como parte desse esforço, a Ylai trabalha com parceiros a fim de criar um ambiente propício visando facilitar o empreendedorismo jovem, em particular para start-ups de alto crescimento impulsionadas pela inovação. Por fim, a Ylai apoia a sociedade civil, em especial os empreendedores sociais das Américas, para fortalecer a resposta da sociedade às expectativas dos cidadãos por maior desenvolvimento, melhor governança e Estado de Direito mais forte.

O que a Ylai vai realizar?

Todos os anos, 250 bolsistas terão a oportunidade de criar ou acelerar o crescimento de suas empresas ou organizações da sociedade civil, inclusive de iniciativas de empreendedorismo social. A Ylai pretende fomentar mais de 50 parcerias formais de empresas e da sociedade civil todos os anos entre novas entidades empresariais e da sociedade civil na América Latina e no Caribe com seus pares nos EUA. A Ylai ajudará os bolsistas a atrair novos apoios, investimentos e recursos em espécie para suas empresas ou organizações. Para start-ups, empreendimentos sociais e organizações da sociedade civil, o aporte de financiamento, recursos e apoio desempenhará um papel crucial para possibilitar seu crescimento.

O que exatamente a bolsa de estudos inclui?

A bolsa de estudos inclui:

  • cinco semanas de treinamento;
  • imersão em incubadora, aceleradora ou organização da sociedade civil;
  • um fórum para facilitar mentoreamento, networking e atrair investimentos;
  • uma cúpula em Washington para os participantes poderem mostrar suas iniciativas e atrair investimentos, aprender com outros, fazer networking com figuras de destaque em sua área e ouvir grandes líderes empresariais e da sociedade civil.

Ao retornarem a seus países ou comunidades, os participantes também recebem acesso a recursos, capacitação e mentoreamento virtuais da Ylai. E, mais importante, ela proporciona plataformas a fim de dar continuidade à colaboração. Por exemplo, por meio de programas das Embaixadas dos EUA, os participantes terão a oportunidade de ampliar suas redes de contato e compartilhar o que obtiveram com a bolsa da Rede Ylai, que tem um âmbito mais abrangente.

Você pode gostar...