SebraeTEC ajuda empreendedores a driblar a crise com inovação

2015 vem se mostrando um ano complicado para quem administra um pequeno negócio. Aumento nos custos de energia elétrica e combustível, por exemplo, geram impacto no preço dos produtos e serviços. E como sobreviver e ainda garantir o lucro da empresa em um cenário de dificuldades? O caminho pode ser a inovação por meio do SebraeTEC.No SebraeTEC a vantagem é que o empreendedor, ao identificar sua maior necessidade, tem acesso a serviços tecnológicos especializados que apresentam uma solução dentro da sete áreas de conhecimento e inovação incluídas no programa. “A gente tem as empresas executoras que possuem mão de obra especializada e que vão para dentro dos pequenos negócios para fazer um diagnóstico e delimitar um plano de negócio. Esse documento é que especifica a necessidade imediata da empresa e também define a quantidade de horas de consultoria para garantir a apresentação de uma solução inovadora”, explicou Ana Paula, gestora do programa em Roraima.

Outra vantagem é que o Sebrae subsidia 80% do valor da consultoria. Mas Ana Paula lembra, cabe ao empreendedor, dono do negócio, implementar a solução apresentada. “As vezes, a solução para melhorar as vendas é a criação de novo layout de fachada e vitrine. A empresa executora trabalha esse modelo e entrega pronto para o empreendedor. Mas é o dono do negócio que precisa executar o projeto na prática e decidir, por exemplo, quando ele vai investir nas mudanças propostas”, destacou Ana Paula.

Para o SebraeTEC, são priorizadas as empresas já atendidas em projetos do Sebrae. “Nesse caso, o programa entra como um complemento. Inclusive, é mais dinâmico trabalhar com as empresas que já estão sendo contempladas com as soluções empresariais do Sebrae, porque nesses projetos, o empreendedor começa a definir foco, a identificar o que precisa ser melhorado. E o SebraTEC contribui para que a inovação aconteça onde, de fato, a empresa mais precisa”, afirmou.

Independente de participar de um projeto ou não, qualquer empresa que se adéque ao perfil do SebraeTEC pode buscar por este serviço nos balcões de atendimento do Sebrae. A meta para este ano, é realizar pelo menos, 700 horas de consultoria. Cada empresa pode trabalhar uma solução por ano.

Sebrae subsidia 80% do valor da consultoria - Foto: Ascom/Sebrae-RR

Sebrae subsidia 80% do valor da consultoria – Foto: Ascom/Sebrae-RR

Fonte: http://www.roraimaemfoco.com/sebraetec-ajuda-empreendedores-a-driblar-a-crise-com-inovacao/

Você também poderá gostar...